PROMOÇÃO DA SEMANA (EXCLUSIVA ONLINE): Todo calçado e malas com 15% desconto! PROMOÇÃO VÁLIDA ATÉ 16/10/21 Portes de envio grátis para encomendas superiores a 40€ para Portugal Continental

Trocas e Devoluções

CONDICOES DE DEVOLUÇÃO/TROCA


O cliente tem direito à devolução/troca de qualquer artigo comprado na nossa loja online no período de 30 dias corridos após a data da fatura, desde que os produtos:

- Não tenham sido utilizados e/ou lavados. O cliente tem o direito de experimentar as roupas e calçado para testar o tamanho e forma, mas não os pode usar ;

- Não tenham sido adulterados e mantenham as etiquetas originais 

- Não tenham sido comprados em campanha de Saldos ou Promoção

 

Em caso de devolução, o reembolso da quantia paga será efetuado usando a mesma forma de pagamento utilizada na compra, no prazo de 10 dias úteis.

Em caso de troca, o cliente pode trocar um artigo por outro tamanho ou por outro artigo qualquer, desde que o(s) novo(s) artigo(s) seja(m) de valor igual ou superior.

A devolução/troca deverá ser efetuada da seguinte forma:

- Envio do(s) respetivo(s) artigo(s) para a nossa morada Werkstatt Loja e Atelier, Rua Teofilo Braga nº17 8700-520 Olhão, acompanhado de uma carta que identifique a respetiva encomenda/fatura e que explique de uma forma clara os artigos que pretende realizar a devolução/troca.

 

- Se o valor dos artigos para troca for superior ao valor dos artigos devolvidos , receberá um email a solicitar o pagamento da diferença.

TROCAS OU DEVOLUÇÃO DE ARTIGOS EM PROMOÇÃO OU SALDOS

Não aceitamos trocas ou devolução de artigos comprados em promoção ou saldos.

 
 
DEVOLUÇÃO/TROCA DE OFERTAS
 

A devolução de um produto oferecido deve ser efetuada pela pessoa que o ofereceu/comprou, no sentido de que esta proceda à sua devolução, de acordo com as nossas condições de devolução.

 

Já a troca de um produto oferecido, pode ser efetuada pela pessoa que recebeu, de acordo com as nossas condições de troca.

 

 Decreto-Lei n.º 24/2014

Artigo 14.º

Inspeção e manipulação do bem

1 - O exercício do direito de livre resolução não prejudica o direito de o consumidor inspecionar, com o devido cuidado, a natureza, as características e o funcionamento do bem.

2 - O consumidor pode ser responsabilizado pela depreciação do bem, se a manipulação efetuada para inspecionar a natureza, as características e o funcionamento desse bem exceder a manipulação que habitualmente é admitida em estabelecimento comercial.

3 - Em caso algum, o consumidor é responsabilizado pela depreciação do bem quando o fornecedor não o tiver informado do seu direito de livre resolução.

×